GPO ( Grupo de Profissionais Oracle )
A maior comunidade Oracle do Brasil !

GUOB Tech Day 2015

Introdução

No dia 08 de agosto tivemos mais uma edição do maior evento de tecnologia Oracle para técnicos do Brasil o GUOB tech day, um evento recheado de palestrantes incríveis e com presença de profissionais renomados dentro da comunidade Oracle .

A abertura e recepção do evento foi realizada pelo Eduardo Hahn e pelo Francisco Munoz, foi a parte na qual foi explicada a história do GUOB, a importância desse encontro e de quebra ocorreu um dinâmica para que acontecesse um entrosamento melhor entre os participantes, afinal, o networking nesses eventos é importantíssimo .

Na sequência da palestra de abertura, tivemos o Fernando Lemos que é VP da Oracle Brasil explicando um pouco do foco da Oracle na nuvem e detalhando como irá funcionar o Data Center que está sendo construído no Brasil e o porquê dessa tendência.

Encerrando as palestras de abertura, o Pablo Cicarelo explicou o funcionamento da OTN, forneceu números interessantes sobre a comunidade Oracle na América Latina e especificamente no Brasil.

Palestras

Tim Hall – Pluggable Database

Uma das melhores palestras foi a de Tim Hall, para quem não sabe se trata nada mais nada menos que o cérebro por tras do oracle-base https://oracle-base.com, sim aquele site onde todo DBA Oracle já recorreu alguma vez. Ele explicou um pouco mais a fundo o conceito do pluggable database, os principais problemas que pode ter com sua implementação e as melhores formas de contornar isso.

Eduardo Guedes – Solaris 11.3 e Sparc M7 Chip

Nessa palestra foi abordada algumas novas funcionalidades do Solaris 11.3 e do novo chip Sparc m7, nas principais novidades podemos esperar recursos ainda mais impresionantes para o exadata e o exalogic

Alex Gorbachev – Benchmarking Oracle I/O performance with orion

Alex Gorbachev é CTO no Pythian, uma empresa especializada em dados , nessa palestra ele mostrou um pouco do Orion, uma ferramenta boa, não perfeita para teste de stress em i/o, podendo ser utilizada tanto quando sabemos o tamanho da carga de trabalho que temos ou que vamos ter em sistemas que vão ser implementados.

Alex Gorbachev – Hadoop and Big Data for Oracle DBA

Alex Gorbachev é CTO no Pythian, uma empresa especializada em dados e mostrou um review do hadoop na visão de um Dba Oracle, fez boas referencias ao exadata e deu excelentes dicas da melhor forma e quando o Hadoop é uma solução interessante.

Airton Lastori – Estratégias para construir um ambiente MySQL seguro e gerenciável.

Airton Lastori é consultor MySQL da Oracle Brasil, nessa palestra ele mostrou números interessantes, como o fato de que 43% das empresas já tiveram sua integridade de segurança quebrada. Citou sobre a importância de se profissionalizar a administração dos ambientes por não ser algo trivial. Além de falar sobre disponibilidade, performance, integridade de dados e governança e compliance.

David Peake – New Features of Oracle Apex 5

David Peake é Product Manager da Oracle, trabalhando no time de desenvolvimento do APEX. Ele falou sobre as vantagens em se adotar o APEX e sobre suas características: Sem instalação de client, 3 TIER (Browser/(Apache-Weblogic)/Database)  e a nova user interface e Universal Theme.

Nessa palestra ficou bem claro o fato de que a Oracle aposta no APEX como um substituto viável ao Oracle Developer.

Debra Lilley – Are Clouds Apps Really ready ?

Debra Lilley é Vice Presidente da Certus Cloud Solutions, empresa especializada em Oracle Cloud Services. Nessa palestra Debra explanou sobre o Fusion Middleware e suas vantagens e desvantagens na nuvem. Além de fornecer alguns números como os quase 1000 early adopters já utilizando APPs em nuvem. Outro ponto interessante, foi o fato de que os produtos ainda não possuem localização para regras governamentais.

Alex Zaballa – Oracle Database 12c – Data Redaction

Alex Zaballa é Gerente de infaestrutura na Accenture Enkitec Group, empresa especializada em plataforma Oracle. Nessa palestra Zaballa explica com maestria todos os detalhes do funcionamento do Oracle Data Redaction no Oracle Database 12c.

Tim Hall – It´s Raining Data ! Oracle Database in the Cloud

Em sua segunda palestra no dia, Tim Hall explana sobre os serviços de cloud da Amazon, Windows Azure e Oracle Cloud.Citou as vantagens e desvantagens de cada serviço. Deu várias dicas em como criar o seu ambiente de banco de dados na nuvem, como o uso de conexões criptografadas e pontos a se considerar como jurisdições locais, custo do tráfego de dados e latência.

Alex Zaballa – Oracle Database 12c – Novas características para DBAs e Desenvolvimento

Em sua segunda palestra no evento, Zaballa explana sobre as novas funcionalidades do 12c como o In memory, suporte a JSON, o Data Redaction (tema de palestra mais cedo), SQL Row Limits e Offsets, Invisible Columns, Approximate Count Distinct, PL/SQL from SQL, Global Temporary Tables e muitos outros pontos que facilitarão o trabalho não só do DBA, mas também dos desenvolvedores.

Carina Mendes – Oracle Endeca aplicada à análise de mídia social

Carina Mendes é Senior BI Consultant da CIS Corporate, nessa palestra ela explana sobre o Oracle Endeca e sua utilização em um caso real de análise de mídia social. Além de explicar sobre a captação de dados, análise e arquitetura (Web Crawler, Server, Integrator e Studio).

Francisco M. Alvarez – Logging or Nologging: That is the question !

Francisco M. Alvarez é Vice Presidente Asia Pacifico da Pythian, empresa líder em data consulting. Em sua segunda palestra no evento, Francisco fala sobre o funcionamento do Log Writer, além de explanar sobre as operações que geram ou não Redo.

Outras palestras

Infelizmente não conseguimos acompanhar todas as palestras, pelo fato de serem simultâneas. Abaixo você pode conferir toda a grade:

Coffee breaks e networking

Como sempre o GUOB Tech Day se mostra uma ótima oportunidade para se ampliar o networking e conhecer outros profissionais de tecnologia Oracle. Sempre deixamos claro que esses momentos são tão importantes quanto ás palestras, pois o networking na vida de um profissional Oracle, é metade do trabalho. A outra é a parte técnica.

Os coffee breaks são oportunidades únicas de participar de grupos que conversam sobre temas interessantes, e puxar conversa com os palestrantes que circulam livremente pelo hall. Tudo isso regado a sucos, cafés e muitos tipos de salgados e doces servidos em abundância.

Análise Final

O GUOB conseguiu manter o mesmo nível técnico de outros anos e trouxe nomes de peso do mundo Oracle, que já são amplamente conhecidos aqui no Brasil. Isso explica a grande participação do público nesse ano, que pareceu sutilmente maior que o anterior.

O GUOB Tech Day OTN Tour ainda é o principal evento técnico Oracle do país e temos certeza de que isso se perpetuará nos próximos anos.

Para não dizer que foi um evento perfeito, em conversa com vários participantes de eventos anteriores, muitos citaram que o evento de 2015 foi um “mais do mesmo”, ou seja, não teve uma mudança significativa no modelo. A pergunta que fica é: Será que seria mesmo necessário uma reavaliação de um evento que já demonstra ser atrativo aos profissionais Oracle ?

O tempo dirá. Quem sabe o time do GUOB não nos surpreende no ano que vem ?

Você também pode conferir no site oficial do GUOB.

Esse artigo foi escrito por Sergio Willians e Hudson Santos

Share

You may also like...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.